terça-feira, junho 28, 2011

Teu primeiro e último... Sinner

Jamais eu conseguirei nossos momentos juntos
Desde que subtamente nos conhecemos
Posso dizer-me muito encantado por ti

De um jeito mt louco e diferente do que qualquer outra pessoa pode ser
Fui tentando te conquistar e entreter
Sendo sincero, real e totalmente tarado conquistei você
E a fiz querer me conhecer

E na primeira vez que te vi, minha nossa era mais do que esperava
Eu havia conhecido uma pequenina menininha fofa e meiga com teu jeito doce de falar
Mas agora em deparava com um mulherão elegante e com curvas de tirar o ar

Nossa... ela é de verdade?
Foi a primeira coisa que me veio a mente

Depois de estar perto de ti, conclui que aquilo nao era só uma ilusão
Realmente estava ali tão belo mulherão
Ainda meio timido e desconcertado
Bejei teu rosto enquanto pegava em tua mão
Por uns momentos constrangidos andamos por aquela rua de pedrinhas
Que depois de um tempo você me confessou se esforçar para andar de salto ali

Até chegarmos a nosso destino, e esperarmos na fila do filme
Fomos conversando e eu fui cada vez mais te conhecendo
Aprendendo sobre tal ser que tanto me encantava
E por incrível que pareça cada palavra sua parecia ser uma mágica
Pois não só teu sorriso e teu olhar me hipnotizavam
Mas também me faziam querer ainda mais te conhecer
Ainda mais me envolver, ainda mais me entregar...

Contou-me um pouco de teu passado, e de como tem vivido firme e segura mesmo com as coisas dando errado
E eu como bom ouvinte fiquei ali, só ouvindo e prestando atençao em cada coisa que dizia
Foi algo que por mais que simples, me ficou gravado
Pois era o começo dessa nossa grande história

Até que entao o assunto terminou
E chegou então o momento esperado
Tremendo levemente comecei a acariciar tuas mãos
E me dirigi olhando em teus olhos... lentamente até teus lábios

Um beijo doce porém timido demais
Meio confuso para quem se beijava a primeira vez
Mas ainda assim... muito interessante

Dado a hora de nos encaminharmos para nosso encontro as escuras
Prosseguimos com nossa caminhada ainda conversando
Agora com bem menos nervozismo e de até um certo comodismo

Pela fantasia do filme nos encantamos nas primeiras cenas
Pois foram as únicas que conseguimos realmente ver
Na magia e fantasia que rolava no telão
Me perdia preso a teus lábios que agora me hipnotizavam

O beijo confuso foi deixado pra trás
Agora mais seguros de si e com a certeza de que era bom beijar alguém
Nosso beijo se tornou mais belo, carinhoso e intenso
Cada momento mais intimo, salgado de pipoca, e cada segundo inesquecível

Lembro-me de que me perdia em teu cheiro
Enquanto minha boca acariciava a tua
Minhas mãos procuravam te tocar e tatear
Descobrindo a cada pedacinho teu o quanto mais me encantava e atiçava

E eu um cara abusado
No primeiro encontro queria me aproveitar de você
Mas você como uma menina inocente que ja havia sido muito magoada
Tentou se conter

Mas ainda assim perdida em nossas caricias
Não pode disfarçar o quanto havia gostado de estar ali
Pois um brilho nos teus olhos surgia enquanto você sorria pra mim...

De braços dados com orgulho de que todos vissem-me ao lado deste mulherão
Te levei até o ponto pra meu primeiro golpe de solidão
Deixar-te ir embora ja me fez falta
E algo que eu nunca poderia imaginar, é que um dia nos tornariamos tudo isso que somos agora

Sou grato pelos momentos que passamos
Grato pelas carícias que tocamos
Mas sou mais grato ainda
Pela confiança e por me deixar te amar assim
Só quero que nunca esqueça
Que eu SEMPRE serei o TEU "Sin"

Abys ♥

(Sinner)
Ouvindo agora: Anywhere - Evanescence

2 comentários:

Von disse...

Lindooooo...

Francorebel disse...

E que boca pecadora... hummm...

Postar um comentário