quinta-feira, setembro 08, 2011

Louco, louco


E eu aqui estou
Louco nessa explosão
Explosão de criação

Com a musa que me inspira
Super linda e pequenina
Que me faz sorrir feito bobão

Como é bonito o ar
E como é doce o gosto das estrelas
Cheiroso demais o som da tv
Ainda mais suave a melodia do preto-e-branco

Tudo muda de lugar
E tudo chega assim
Desse jeito assim

All your sins
Will take you for your happiest place
Just by my side
To do all your sins again

E o tempo muda
Ele passa e repassa
Como algo que não espera

Ele ajuda
Ele liberta
Ele destrói
Ele desperta

E as flores secam
O lago meche
As frutas caem
Tudo cresce

É tudo assim
Desse jeito
Que vai acontecendo
Louco louco

(Sinner)

5 comentários:

Gavriel disse...

belo texto!!
somos loucos em uma terra se pessoas sem loucuras!

Andreza Breda disse...

Tudo é aqui é bastante fantástico. Deixo aqui meus agradecimentos pela visita em meu blog e meus parabéns à você, criadora desse blog tão maravilhoso... Que o caminho do sucesso se ilumine ainda mais pra que você possa segui-lo sem deslizes, sem tropeços.

Wanderly Frota disse...

É lindo ver as palavras penetrando a nossa mente de uma forma tão bela. Encantadíssima!

Victor Von Serran disse...

louco, louco de ver esse texto....simples e direto, marcante e impactante !

beijo.

vai lá no cronicas quando der !

Laís. disse...

E de loucos, só os loucos entendem.
Pouca gente sente o cheiro do tempo, e ouve o vento, da forma que deveria ser.
Adorei o seu texto, visita meu blog
http://estrangulamentomoral.blogspot.com

beeijos!

Postar um comentário